Análise do inimigo: Os Cardassianos

sábado, agosto 03, 2013

Gul Dukat
Esta talvez seja a espécie alienígena que eu mais deteste em toda a franquia de Star Trek. Eles são capazes de vender a mãe se esse for o preço para conquistar o universo. Foram poucos os cardassianos com algum escrúpulo que a franquia retratou, uma raça de guerreiros e de gente que não leva desaforo para casa.




Leia também:



Os cardassianos são o que se pode chamar de orwellianos, pois sua política e sua sociedade são voltadas para o controle das informações, da propaganda, manipulação e conquista. Os líderes da força militar cardassiana são adorados, a invasão de privacidade e a vigilância são comuns quando havia desconfiança ou quando isso poderia trazer vantagens.

Por Cardassia!

Pergunte a um bajoriano o que ele acha dos cardassianos e a resposta certamente será repleta de xingamentos, maldições e vingança. Originários de Cardassia Prime, ou somente Cardassia, eles são uma raça humanoide, com pele cinza a amarelada, com sulcos na junção dos ombros com o pescoço, sulcos ao redor dos olhos e das orelhas junto ao maxilar. Possuem uma protuberância semelhante à uma colher no meio da testa e na base do nariz, que ao que parece é o que restou de um tipo de membrana umbilical (umbigo na testa??).

Cardassia Prime

Todos os cardassianos têm cabelos pretos ou castanhos e em geral olhos escuros, com exceção de Garak e Dukat. As mulheres ocupam importantes posições na sociedade, sendo a maioria no ramo das ciências, apesar de ambos terem condições de subir na vida. Elas também são bem menos nacionalistas que os homens. Gostam de penteados ousados e de pintar seus sulcos proeminentes com outras cores. Também dizem que, assim como as orelhas dos Ferenguis, os sulcos proeminentes no pescoço são áreas erógenas, em especial nas mulheres.

Enquanto a maioria das raças de Star Trek gosta de climas amenos, Cardassia Prime é um planeta quente, úmido e o ambiente em naves e estações segue o mesmo padrão. Também gostam de lugares na penumbra, sempre achando que os ambientes humanos, por exemplo, são frios e claros demais.

Assim como os klingons, cardassianos são guerreiros natos. No entanto, suas batalhas em geral não tem honra alguma. Eles são manipuladores, agressivos, usando-se de meios furtivos e acordos escusos para conseguir o que querem. São movidos pela cobiça, pelo poder, o que os torna muito perigosos e um fato de desequilíbrio para Quadrante Alfa.

Mulheres cardassianas.

A aliança com o Dominion, uma aliança militar e poderosa do Quadrante Gama, é um bom exemplo de como os cardassianos são volúveis, pensando no próprio benefício. Enquanto humanos, klingons, bajorianos e o resto da Federação temiam uma invasão e uma guerra, Cardassia se aliou ao Dominion, acreditando ser um poder maior, mais organizado e que restauraria os antigos dias de glória do planeta.

O fato de agirem de forma predatória por natureza faz deles uma força implacável, o que explica a invasão e a ocupação de Bajor por 50 anos. Também explica porque outras raças não confiam em cardassianos, sempre vistos com suspeitas em qualquer de suas ações. Não é para menos, já que não é possível obter atos de misericórdia deles. Um acusado de um crime já é automaticamente culpado e prisioneiros de guerra são sempre executados.

É estranho que uma raça cujo passado mostra que eram pacíficos, espirituais e amantes das artes tenham rumado para uma civilização militarista e expansionista. O fato pode ser explicado pela escassez de recursos naturais em Cardassia Prime e pelo sentimento de expandir as fronteiras da civilização. Para tais empreitadas, eles precisaram fortalecer as forças militares, o que deve ter levado ao estágio em que eles se encontravam.

Nave cardassiana.

Mas tais decisões custam caro. A aliança com o Dominion, por exemplo, custou caro para Cardassia Prime. Ao invés de terem uma posição de liderança e comando, eles ficaram relegados a só mais uma raça em meio ao aglomerado de dominados. Milhões de cardassianos morreram na guerra que, acreditavam, seria vencida rapidamente e esse enfraquecimento de suas posições fez surgir um sentimento forte de oposição ao Dominion, liderada pelo Legado Damar. Isso mostra como são volúveis em suas decisões a partir do momento em que elas não são mais favoráveis.


Pontuação

Eles são volúveis, desconfiados, traidores, sedentos de poder, gananciosos, falsos e dissimulados, o que os torna inimigos bastante perigosos. Eles foram para a guerra com a premissa de ganharem logo de cara e mudaram de lado rapidamente quando viram que isso não ia acontecer. No entanto, se fossem de fato inimigos implacáveis, eles recusariam qualquer pedido de ajuda, tampouco largariam uma força militar poderosa como o Dominion. Um inimigo que possa ser manipulado dessa forma não é bem algo a ser tão temido. São como os romulanos, que apesar de muito fortes, de incomodarem e de encherem o saco, acabam não representando tanto perigo quanto prometem. Por isso, quatro malvadinhos.


Até mais!

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris