Análise do inimigo: O Predador

sábado, julho 13, 2013

Predador
Um dos alienígenas presente nos pesadelos da garotada dos anos 80, o Predador não tem esse nome à toa. Ele espreita e caça com sofisticadas armas as suas presas, causando morte e destruição por onde passa, sendo uma criatura difícil de liquidar. Não é o tipo de alien com o qual se subestima ou dá mole. A morte é certa.



Leia também:


O design original do Predador era com um longo pescoço, um único olho e uma cabeça parecida com a de um cachorro. O design é assinado por Jim e John Thomas e a maquiagem foi creditada ao especialista em efeitos especiais Stan Winston. O arranjo original do corpo foi logo abandonado pelo modelo que conhecemos, com mandíbulas múltiplas e um ar selvagem e exótico, que casou muito bem com o ambiente da selva.


Nossa, como você é feio!

O Predador é um alienígena humanoide muito forte, alto, coberto por pintas e espinhos, e algo parecido a um cabelo com dreads na cabeça. Sua pele lembra a de um sapo, em tons esverdeados e brancos. É capaz de aguentar pancada e tiros como poucas criaturas da ficção científica. Nos filmes, pouco sabemos sobre sua estrutura social ou hierárquica, apesar de ficar claro em alguns momentos que eles possuem um líder ou uma liderança em suas naves. Não sabemos seu nome ou planeta natal, mas no universo expandido de fanfics, quadrinhos e jogos, eles são por vezes chamados de Yautja ou de Hish. São resistentes também à radiação que seria fatal para humanos.

Possuem corpo atlético e são grandes fãs da caça esportiva, em geral de criaturas que apresentem algum tipo de desafio, como os Aliens, no universo dos games, ou quando estão entediados, os seres humanos. Possuem uma mandíbula fixa e outra por cima, com presas pontiagudas. Não possuem a visão igual a do ser humano, mesmo quando usam seus sofisticados capacetes. Possuem capacidade de se camuflar com o ambiente, o que os tornas praticamente invisíveis aos olhos do ser humano. Seu sangue é verde fluorescente, bastante chamativo, mas difícil de derramar em uma criatura tão forte.

Descamuflando.

Apesar da aparência selvagem e do comportamento animalesco, os predadores são muito inteligentes (uma característica dos animais caçadores). São capazes de navegar pelo espaço - apesar de não sabermos se eles evoluíram ao ponto de desenvolver tecnologia espacial ou se tomaram de alguma outra raça com a qual toparam por aí. Portam poderosas armas de energia, não dispensando, é claro, as armas brancas com as quais lutam muito bem. Possuem respeito por seus mortos e líderes, como em várias cenas dos filmes onde os corpos dos predadores caídos são levados para nave, mas também não hesitam em partir para a porrada entre si, como foi visto em Predadores (2010).

Como a principal diversão (até onde sabemos) dos predadores é a caça, eles também são com escaladores, possuindo uma agilidade que não esperaríamos de um ser tão grande e forte. Sua visão opera principalmente na banda infravermelha do espectro, o que é auxiliada por seu capacete para cobrir a maioria das outras. Consequentemente, ele não enxerga da mesma maneira que nós, o que não o torna menos perigoso, já que ele pode nos achar pelo calor de nossos corpos.

Cena do jogo Aliens vs Predador.

Também é possível notar que eles gostam de adornar seus corpos, em geral com espólios de suas batalhas. Em Alien vs Predador, um deles marca o rosto da humana que o ajudou a derrotar os aliens utilizando o sangue ácido da criatura derrotada. É comum carregarem crânios de animais que abatem junto da cintura ou em faixas sobre o peito, mostrando uma certa vaidade obtida pela experiência em batalha. Eles caçam e usualmente arrancam a cabeça de suas vítimas como um troféu. É bem possível que toda a sua cultura tenha evoluído em torno da capacidade de caçar e isso se tornou um tipo de esporte nacional para sua sociedade. A falha na caça, por sua vez, leva o Predador ao suicídio, para lavar sua honra.

Temos aqui também outro alienígena que há séculos visita as sociedades humanas, como Antigos Egípcios, o império Khmer e os Astecas, onde foram cultuados como deuses. Mas nem tudo é sangue e carnificina entre eles. Os Predadores costumam poupar crianças, ou qualquer indivíduo que não apresente um desafio de caça. Também evitam indivíduos grávidos ou doentes, mesmo que estejam armados (mas não os ataque!).


Pontuação

Um inimigo com capacidade de voo interestelar, com armas avançadas, com força e agilidade acima da média humana já é um perigo em si. Se aliarmos isso ao desejo puro e simples de caçar, teremos uma fera sanguinária que não mede esforços em completar sua tarefa ou em obter seus troféus. Ele agirá de maneira a conseguir o que quer, não importa como ou quem esteja em seu caminho. Eles aprimoram suas capacidades de caça escolhendo os melhores guerreiros e com isso tornam-se máquinas eficientes de matar e também muito difíceis de bater já que possuem tantas vantagens tecnológicas que nós mal começamos a entender. Para um inimigo como este, cinco malvadinhos.


O que acha dos Predadores? Deixe seu comentário, até mais!

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris