Resenha: Bidu - Caminhos, de Eduardo Damasceno e Luís Felipe Garrocho

Venho aguardando ansiosamente cada um dos lançamentos das graphic novels da Turma da Mônica. Assim como muitos adultos hoje, eu também cresci lendo os gibis da turminha e ver as novas roupagens, as novas aventuras, com enredos emocionantes, engraçados e profundos, é bastante gratificante. A mais nova GN do selo é sobre como o Franjinha conheceu e adotou seu icônico cachorrinho, o Bidu.





A graphic novel
Bidu é um cachorrinho de rua, passando por todas as vicissitudes que um bichinho abandonado passa. Ele perambula pelas ruas do bairro do Limoeiro em busca de comida e de abrigo, vez por outra topando com as crianças briguentas do bairro que sempre planejam algo contra a Mônica. Ele encontra com cachorros na rua, personagens típicos de sua turminha como o Bugu e até arruma briga por causa de comida.


Enquanto isso, Franjinha está em busca de um cachorrinho. Sua mãe o leve a um abrigo de animais, porém ele não gosta de nenhum dos bichinhos que viu ali. Ele sabe que o cachorro certo virá, apenas precisa inventar uma maneira para isso. Bidu está lá fora, lutando para sobreviver e nada sabe dos planos do futuro dono.

Bidu Caminhos é a primeira graphic novel da segunda leva de GNs da Turma da Mônica. A primeira fez um sucesso estrondoso ao recontar, com novos traços, as aventuras da turma com Astronauta Magnetar, Chico Bento, Pavor Espaciar, Turma da Mônica - Laços e Piteco - Ingá. Os traços são lindos, mas o mais adorável de toda a história é o modo como as onomatopeias foram introduzidas. Elas fazem parte do quadrinho, não estão dentro dos balões. E os próprios diálogos entre os cachorros é baseado em imagens. Ficou sensacional e muito lúdico. Veja abaixo algumas páginas.





A própria paleta de cores dá um ar vívido, mas ao mesmo tempo muito meigo de retratar o enredo. Os autores estão de parabéns pelo esmero, pois até fotos de ruas da cidade foram tiradas para alguns quadrinhos terem a perspectiva correta. A saga de Bidu até Franjinha deve ser algo corriqueiro na vida de muitos cachorrinhos em diversas cidades do país. Fica aí um apelo para que se adote mais e dê um lar para tantos bichinhos que precisam de um lar amoroso.


Ficção e realidade
Já falei aqui várias vezes o quanto sou apaixonada por Turma da Mônica. Os gibis e os personagens fizeram parte da minha infância e aprendi muita coisa com eles. Tinha pilhas de gibis que acabaram se perdendo nos caminhos da vida, mas ainda lembro das historinhas que mais curti. Lembro que aprendi o que eram ditados populares através de uma historinha do Chico Bento. Tenho até hoje o primeiro gibi da Magali. Ou seja, para quem é fã e cresceu com estes personagens, ver o esmero nestas edições novas e por novos autores é matar uma saudade imensa.



Pontos positivos
Leitura fácil, amigável
Aventura do Bidu
Amizade, amor e companheirismo
Pontos negativos

Nenhum!

Título: Bidu, Caminhos
Autor: Eduardo Damasceno e Luís Felipe Garrocho
N.º de páginas: 82
Editora: Panini
Ano: 2015
Onde comprar: Amazon


Avaliação do MS?
Não há muito o que dizer além de MELDELS, COMPRE LOGO E LEIA, VOCÊ VAI AMAR, POR FAVOR, QUE COISA LINDA! Desde a primeira edição das graphic novels que eu venho dizendo que elas são essenciais na estante de qualquer fã de Turma da Mônica e de quadrinhos. Os artistas estão dando um show na hora de retratar os personagens da turminha, percebe-se que foi tudo feito com perfeição e esmero. Vale à pena!

Até mais!

COMPARTILHE

Seja o primeiro a comentar.

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, com Desconhecido ou Unknown no lugar do nome, em caixa alta, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.