10 coisas que você não sabia sobre A Morte Lhe Cai Bem

A Morte Lhe Cai Bem (1992) é um dos meus filmes preferidos! Uma comédia de zumbis obcecadas pela juventude e beleza eternas em Hollywood. Duas amigas que disputam namorados descobrem uma poção mágica capaz de conferir beleza eterna às pessoas que a bebem. Mas a poção tem alguns efeitos colaterais indesejados...

10 coisas que você não sabia sobre A Morte Lhe Cai Bem




Produzido e dirigido por Robert Zemeckis, o longa teve um orçamento de 55 milhões dólares, tendo arrecadado pouco mais de 145 milhões em bilheteria. Apesar do sucesso comercial e do pouco sucesso de crítica, o filme logo se tornou cult. Ele também foi premiado com um Oscar e um Bafta de Melhores Efeitos Visuais em 1992, desbancando filmes como Batman, o Retorno e Alien 3.


10. Projeto
O roteiro foi assinado por Martin Donovan e David Koepp. Koepp se tornaria um dos mais bem pagos roteiristas de Hollywood, tendo escrito filmes como Jurassic Park, Missão Impossível e Homem-Aranha. Mas na época os roteiristas estavam cheios de dívidas e escreveram o longa na esperança de levantar alguma grana. Eles imaginaram que conseguiriam, no máximo, uns 5 milhões de dólares para o novo filme. Porém, as coisas mudaram quando Robert Zemeckis botou os olhos no roteiro e amou a ideia. Zemeckis vinha recebendo bastante atenção, em especial após o grande sucesso da franquia de De volta para o futuro. Então, quando ele pediu 55 milhões de dólares para A Morte Lhe Cai Bem, o estúdio nem piscou.


9. Dr. Ernest Menville
Bruce Willis não era a escolha principal do diretor para o papel do cirurgião plástico que se torna um papa-defunto nas mãos de Madeline Ashton (Meryl Streep). Na verdade, o papel era de Kevin Kline, que abandonou a produção por problemas de salário. O papel então foi oferecido para Jeff Bridges, mas o teste do ator não impressionou. O diretor não estava muito confiante em ter Willis no papel devido a Duro de Matar e a pose de durão do ator. Felizmente, o teste foi muito bom e Willis ganhou o papel. O que o diretor esqueceu é que Willis era um ator de comédia no começo de carreira e por isso está tão bem no papel do médico.


8. Meryl Streep
Quando foi sondada para o filme, Streep achou que interpretaria o papel de Helen Sharp, que acabou com Goldie Hawn. Ela inclusive atestou em entrevistas que achava Helen um papel ideal para ela, uma mulher mais calma, introspectiva, que tem sua vida abalada por uma mulher sem escrúpulos. Adivinhe então sua surpresa ao descobrir que interpretaria Madeline Ashton? Hoje é até difícil imaginar outra atriz para o papel, pois Meryl está perfeita.


7. Mas ela odiou filmar
Ainda que a audiência hoje se divirta com o filme, Streep odiou trabalhar em um filme com tantos efeitos visuais. Trabalhar com telas azuis e roupas especiais para simular efeitos foi um tédio. Ela odiava ter que ficar tanto tempo parada para encaixar cenas, atuando com o nada ou com roupas e fundos azuis. Streep disse que foi seu primeiro, último e único filme com tantos efeitos gerados em computador. Curioso mencionar que ela ganhou uma indicação ao Globo de Ouro de Melhor Atriz em filme de Comédia ou Musical e que os efeitos especiais pioneiros do filme foram depois utilizados em Jurassic Park.


6. Os peitos de Madeline Ashton
A famosa cena de Madeline na frente do espelho vendo seu corpo se transformar após beber a poção foi toda manual. O roteiro dizia que os peitos ficam empinados enquanto a atriz cinquentona se olha no espelho. Para conseguir o efeito, a equipe criou um sutiã especial que ergueria os seios de Meryl Streep. Mas o diretor não gostou do resultado. O jeito foi colocar a camareira de Meryl atrás da atriz, fora do ângulo da câmera, empurrando os seios dela para o lugar.


5. Lisle von Rhuman
Isabella Rossellini não usava nada embaixo do peitoral de joias e do lenço na cintura. Sua personagem tem um corpo jovem e gosta de mostrá-lo. Mas para a cena da piscina, onde conversa com o Dr. Ernest Menville, a atriz optou por uma dublê de corpo. Quem fez esse papel foi a atriz Catherine Bell. Você deve conhecê-la por seu papel na série JAG e na franquia de filmes A Bruxa do Bem.


4. Acidente
A famosa cena de luta entre Ashton e Sharp precisou de muita coreografia para poder funcionar na vida real, já que não foram usadas dublês para nenhuma cena da sequência. Porém, no calor da ação, Streep sem querer acertou Hawn na lateral do rosto, deixando uma pequena cicatriz no lugar.


3. De Volta para o Futuro
O filme faz uma referência bem sutil ao primeiro filme da trilogia de sucesso de Zemeckis. Helen Sharp disse que tomou a poção em 26 de outubro de 1985. Esta é a data em que Marty McFly volta para 1955.


2. Indústria da beleza
O filme não agradou aos críticos homens, mas as mulheres logo se sentiram representadas por Helen e Madeline devido ao tema da pressão estética. Adiantando o tema hoje muito discutido sobre como as mulheres, principalmente as atrizes, se submetem a cirurgias e procedimentos de maneira a se manterem jovens para uma indústria competitiva, tal como as protagonistas, A Morte Lhe Cai Bem extrapola o máximo o conceito, mostrando que os efeitos colaterais desta busca desenfreada podem ser altos demais. E que tem gente disposta a explorar essas mulheres ao máximo. O filme hoje é um cult principalmente entre as drag queens, que replicam os figurinos de Streep e Hawn em várias ocasiões, como em Ru Paul Drag's Race.


1. Final original
O final original era muito mais sombrio do que o atual e foi alterado depois de um teste de audiência. Originalmente Helen e Madeline roubam um carro e perseguem Ernest para obrigá-lo a tomar a poção. Elas então perdem o controle do veículo e caem numa ribanceira, em uma cena semelhante àquela que Helen tinha planejado para Madeline. Enquanto o carro está pegando fogo, o esqueleto das duas sairia das chamas e o filme acabaria.

O longa foi bastante editado para a forma atual. Em uma das cenas cortadas, Ernest fingiria sua própria morte com a ajuda de uma bartender, interpretada pela atriz Tracey Ullman, e depois os dois fugiriam juntos. Se você assistir ao trailer verá algumas cenas deletadas como Madeline dirigindo sua Mercedes de dia e a bartender em uma cena com Willis.

A Morte Lhe Cai Bem


Bora assistir de novo??

Até mais! ☥


Já que você chegou aqui...

COMPARTILHE

Seja o primeiro a comentar.

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, com Desconhecido ou Unknown no lugar do nome, em caixa alta, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.

O mesmo vale para comentários:

- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.

A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.