Resenha: Amoras, de Emicida e Aldo Fabrini

Amoras é um dos livros infantis mais lindinhos que você lerá na vida! Com uma arte primorosa e colorida de autoria, de Aldo Fabrini, o livro trata de forma doce e poética temas que vão desde a autoestima das crianças, o reconhecimento de líderes, a importância da cultura e da representatividade. Um livro precioso em qualquer estante!





O livro
Que a doçura das frutinhas sabor acalanto
Fez a criança sozinha alcançar a conclusão
Papai que bom, porque eu sou pretinha também

A partir deste rap, Emicida e o ilustrador Aldo Fabrini criaram uma obra única. Primeiro livro infantil de Emicida, o livro reforça a importância sobre nos reconhecermos no mundo e de termos orgulho de quem somos e nossas origens.

Resenha: Amoras, de Emicida e Aldo Fabrini


Com uma estrutura poética e ritmada, Emicida se vale de poucas palavras, mas passa uma mensagem forte para a garotadinha. O veículo para a mensagem: amoras, as pequenas frutinhas fofinhas que usa de forma a empoderar e a mostrar o valor das pessoas negras na sociedade, dando exemplos de quem deixou um legado de luta e perseverança. Zumbi, Martin Luther King, Malcom X e entidades da mitologia iorubá estão todos presentes nas páginas de Amoras.

"Amoras" é um rap que Emicida compôs para sua primeira filha, Estela, a quem o livro é dedicado. Na música, a menina está embaixo de uma amoreira com o pai quando ele comenta sobre a beleza das frutinhas. Que quanto mais pretas, mais doces elas são. E a partir daí a garotinha passa a se reconhecer e a assimilar sua própria identidade. O livro constrói referências positivas que levam a um desenvolvimento saudável das crianças, sempre apresentadas à opressão e ao preconceito em tenra idade.

Amoras


Além da doçura da mensagem e de mostrar a figura de um pai presente em um país onde tantas crianças não têm o nome do pai em suas certidões de nascimento, o livro faz referências à religião, versando sobre a figura do divino em várias religiões, não apenas uma. A mensagem ficou singela, perfeita e sem necessariamente focar em uma só, mas tratando de várias, mostrando que é possível reconhecer uma irmandade entre todas.

Falando sobre negritude, representatividade, preconceito e autoconfiança, as ilustrações de Fabrini complementam a mensagem com uma doçura e uma sensibilidade ímpares. Tudo é bem feito, desde os traços fofos à escolha da paleta de cores. Um deleite para os olhos, principalmente os das crianças. A edição vem em capa comum e papel reforçado no miolo.




Obra e realidade
Empoderar crianças é, como o próprio Emicida diz, criar um campo de força ao redor delas para que suas convicções de igualdade sejam preservadas. Assim, se uma pessoa atacar qualquer diferença que exista entre duas pessoas, esta pessoa é que está errada. Diferenças são só diferenças, mas ainda há gente que as usa como gradientes de valor para definir quem deve viver ou não, quem deve estudar, quem deve ter os melhores empregos. Com palavras positivas, convidativas, inspiradoras, com mensagens de amor e representatividade, as crianças podem tirar suas próprias conclusões e pensar por si próprias.

Emicida


Leandro Roque de Oliveira, mais conhecido pelo nome artístico Emicida, é um rapper, cantor, letrista e compositor brasileiro. É considerado uma das maiores revelações do hip hop do Brasil da década de 2000.

Aldo Fabrini é designer, trabalha em agência de propaganda e ilustra por obsessão.


Pontos positivos
Bem escrito
Bem ilustrado
Paleta de cores
Pontos negativos

Nenhum!

Título: Amoras
Autor: Emicida
Ilustrador: Aldo Fabrini
Editora: Companhia das Letras (selo Companhia das Letrinhas)
Páginas: 44
Ano de lançamento: 2018
Onde comprar: na Amazon!


Avaliação do MS?
Um livro pequeno, mas recheado de significado, de mensagens e de amor. Um livro para crianças e adultos de todas as idades, mas principalmente para as crianças negras, carentes deste tipo de produção, de livros com mensagens que as empoderem. Cinco aliens para Amoras e uma forte recomendação para você ler também!





Até mais! 🫐


Já que você chegou aqui...

COMPARTILHE

Seja o primeiro a comentar.

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, com Desconhecido ou Unknown no lugar do nome, em caixa alta, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.

O mesmo vale para comentários:

- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.

A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.