5 livros que aparentemente só eu li

A ideia deste post é para ser divertida. Estava vendo uma discussão num blog literário onde a autora escreveu que às vezes ela comentava sobre um livro e tinha a impressão que só ela leu. E já aconteceu comigo também (aposto que contigo, será?) onde você curtiu uma história e seus personagens, mas aparentemente só você conhece a obra.

5 livros que aparentemente só eu li




Como eu disse, é para ser um post divertido e quem sabe indicar livros que você também possa curtir. Se você tiver lido algum livro que pelo visto mais ninguém conhece, coloque nos comentários!


O Caminho do Poço das Lágrimas, de André Vianco
Quem está acostumado com as obras sangrentas e vampirescas de André Vianco, se surpreende com a delicadeza e com o toque profundo deste livro. Lindamente ilustrado, ele fala sobre Jonas e seus filhos, Ingrid e Bosco que, viajando por uma estrada escura, acabam adormecendo e acordam em um lugar estranho e diferente. Nascido de uma história de ninar que Vianco criou para suas filhas, o livro surpreende o leitor no final e mostra um lado diferente do autor.

Ele saiu de catálogo já faz um tempinho, mas você encontra barato em sebos ou na Amazon.


Rei Arthur, de Frank Thompson
Para os fãs das histórias de cavalaria e principalmente do mítico Rei Arthur, este livro, baseado no roteiro do filme de mesmo nome (aquele do Clive Owen, lembra??), é um prato cheio. Assim como no filme, ele mostra um Arthur que é chefe de uma tropa de cavaleiros sármatas, obrigados a servir o Império Romano na Bretanha, uma ilha estranha e selvagem, o que enfraquece o poder romano. É um tempo de brutalidades, homens lutando por quinze anos até conseguir a tão sonhada liberdade, tendo que derrotar um chefe saxão que passa metade da ilha à espada.

Também está fora de catálogo, mas está bem baratinho em sebos e na Amazon.


O Inquisidor, de Valerio Evangelisti
O título engana, mas acredite, é uma ficção científica. Ele é composto por três narrativas diferentes, em três tempos diferentes. A linha principal se passa no passado com a nomeação para inquisidor-geral da Espanha, chamado Nicolau Eymerich. Ele tenta investigar a aparição de estranhas crianças com o rosto na nuca, jogadas na cisterna da cidade. No presente, fala sobre Marcus Frullifer, que queria criar naves espaciais que viajassem com o poder da mente dos seus tripulantes. E no futuro se trata de uma dessas naves. Meio confuso no começo, mas vale a leitura.

Novamente, fora de catálogo, mas baratinho em sebos.


Erros Clericais, de Alan Islaer
Sabe aquele livro que você compra na baciada do mercado por 9,90 e depois se surpreende pela qualidade do dito cujo? Pois é, Erros Clericais é um livro desse tipo. Edmon Music é um padre católico fajuto que não acredita em Deus, é dissimulado, irônico, corrupto e que ainda por cima divide a cama com sua governanta por todos os anos em que esteve à frente da renomada biblioteca Beale Hall. Ele na verdade é um judeu que buscou o sacerdócio, o que desagradou e muito sua família. Uma discussão sarcástica a respeito da religião.

Adivinha? Fora de catálogo! Baratinho aqui na Amazon e em sebos.


A filha do crocodilo, de Duncan Sprott
Amo enredos que se passem no Antigo Egito. Aqui a narradora é ninguém menos que a deusa Seshat, deusa egípcia da história. Ela narra uma parte da jornada da dinastia dos Ptolomeus, governantes do Egito após a conquista por Alexandre, o Grande. Aqui temos Ptolomeu Filadelfos, um soberano frívolo e indiferente aos problemas do Estado, e sua irmã Arsínoe Beta, que retorna ao Egito com a vida em frangalhos e um plano em mente: casar-se com o faraó e se livrar da rainha. Tem violência, incesto, intrigas, nada que não fosse comum na época.

A boa notícia é que ele não está fora de catálogo e está bem baratinho na Amazon. Ele é a segunda parte da Tetralogia dos Ptolomeus, mas infelizmente o autor escrever apenas dois livros. Você não precisa necessariamente ler o primeiro, mas seria interessante.

E você, tem livros que pelo visto só você leu??

Até mais! 📖


Já que você chegou aqui...

COMPARTILHE

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu me interessei muito pelo "Erros clericais", um padre com tais características é uma personagem interessantíssima.

    Bom, eu estou lendo um livro que pelo visto só eu mesmo: "Feitiço de amor e outros contos", de Ludwig Tieck. Um dos precursores do romantismo alemão em contos com aquela atmosfera macabra, estranha... até agora, vai bem a leitura. rs

    ResponderExcluir
  2. "O Mapa do Tempo", de Félix Palma. Londres vitoriana, Jack o Estripador, viagem no tempo, H. G. Wells, amor à literatura. O tipo de salada sem pé nem cabeça que eu adoraria escrever. Olhei o título na Amazon e ele tem apenas duas avaliações!

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, com Desconhecido ou Unknown no lugar do nome, em caixa alta, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.

O mesmo vale para comentários:

- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.

A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.