Minhas 5 tecnologias favoritas da ficção científica

segunda-feira, outubro 03, 2016

Dentro da ficção científica nós temos tecnologias que (hoje) parecem impossíveis. E tudo bem, é ficção. Gostaria muito de ver algumas delas na realidade, outras nem tanto, mas para o bem ou para o mal, sempre temos aquelas que favoritas. Bem, resolvi listar as minhas cinco de todos os tempos.




Lembrando que essa lista é pessoal. Existem muitos, muitos aparatos e tecnologias diferentes na ficção científica e aqui são apenas cinco. Deixe as suas tecnologias favoritas em um comentário ou faça um post sobre o assunto também. Adorarei ler!

5. A nave de Klaatu, de O Dia Em Que a Terra Parou
A nave lembra a do Astronauta, da Turma da Mônica, que é o que nos tira do lugar comum quando o assunto é design de naves espaciais. Assim como o cubo Borg, de Star Trek, a nave tem esse ar enganosamente simples, redondo, mas com uma tecnologia que ainda nos é totalmente alienígena.

4. Os androides de Blade Runner
Esses androides foram construídos pelo ser humano, mas a distinção entre um e outro é tão difícil que é preciso aplicar um longo e meticuloso teste para descobrir. Complexos, intensos, revoltados com a servidão, é uma grande alegoria para trabalhos forçados, exploração e escravidão.

3. O Robocop
A interação entre o orgânico e o mecânico que vemos em Robocop é um grande feito de engenharia e ciência. As implicações para reabilitação de amputados ou de pessoas com doenças graves e incapacitantes são imensas e daria uma reviravolta na medicina. Só que, claro, sempre tem aquela corporação que usa robôs como máquinas de guerra.

2. O sintetizador de comida de Star Trek
Eu até entendo a preferência do capitão Picard por chá e da Janeway por café, mas se eu tivesse um sintetizador de comida não ficaria tão no básico assim. Aliás, os sintetizadores são a grande tecnologia que ajudou a derrubar miséria, fome e doenças na Federação. Fica também uma questão: e se usarem para construir armas? Ainda assim é algo que eu teria fácil.

1. O Stargate
Um sistema feito de material super condutor, capaz de manter um wormhole estável e que te transporta instantaneamente pelo universo? Tô dentro! Atravessar dois mil, dez mil anos-luz de maneira instantânea é um dos maiores feitos de engenharia da FC. Tem seus contratempos, claro, pois isso também abre as portas para os inimigos, mas convenhamos, né? É muito maneiro.

Agora é a sua vez. Quais são as suas tecnologias favoritas? Deixe nos comentários!

Até mais!

Já que você chegou aqui...

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

5 comentários

  1. Claro que a lista é pessoal, portanto não há o que criticar. Para mim, entretanto, nada é mais completo do que a TARDIS do Doctor Who. O conceito de tempo e dimensão relativas no espaço calha muito bem na física moderna. Uma nave que é gigantesca (quase infinita) por dentro e é minúscula por fora a torna quase invencível. Tem um sistema camaleão que permite se camuflar onde pousa (tudo bem, ele está sempre com defeito, mas acho que é o Doctor que não quer arrumá-lo), e que além disso tudo ainda viaja no espaço, no tempo e entre as dimensões. Absolutamente nada se compara ao conceito da TARDIS.

    ResponderExcluir
  2. Aaaaaaaaaaaah, meu favorito é O sintetizador de comida. Haushuahua
    Eu ia ficar obezo.
    E concordo com o Marcelo, nada é mais completo do que a TARDIS do Doctor Who. É fascinante!

    ResponderExcluir
  3. C'mon, Sybilla, você não reparou na semelhança entre Stargate e o Portal da Eternidade (ST:TOS "City on the Edge of Forever")? Mesmíssima coisa, pra não dizer plágio mesmo.

    PS: adoro seu blog!

    ResponderExcluir
  4. O Portan Gun, do jogo Portal, que é tipo um stargate para pequenas distâncias.

    ResponderExcluir
  5. Adoraria a tecnologia de clonagem das FCDs em Guerra do Velho, ter a mente transportada de um corpo humano comum e velho para um corpo completamente saudável e até melhorado... Nossa, bom demais, ruim é que tem que lutar na guerra pra conseguir isso, mas eu me alistaria tranquilo depois dos 75 anos.

    Outra boa também são as armaduras forerunner, dos jogos da saga Halo. Armaduras capazes de restaurar um corpo, curá-lo de doenças e ainda fornecer um proteção respeitável... boas demais, bem dignas da segunda raça mais avançada do universo.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, em caixa alta, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Curta no Facebook

Viajantes