Resenha: Paul - O Alien Fugitivo (2011)

sexta-feira, novembro 02, 2012

Comédias boas de ficção científica são escassas. Aliás, pouca gente leva a sério uma comédia de FC, não sei porque. Em geral, os filmes são repetitivos e buscam fazer mais do mesmo ano após ano. Repetir os clichês, desde que bem trabalhados não tem problema algum. Neste caso, o filme Paul acerta em fazer um besteirol nerd bacana, que diverte sem apelar para a mesmice.



O filme

Graeme e Clive são dois nerds assumidos que vão aos Estados Unidos para a Comic Con daquele ano e para visitar os locais famosos por aparição de OVNIs. Com um trailer em mãos e um mapa, os dois vão percorrer a estrada cobrindo tais locais.


Enquanto correm de uma lanchonete, onde acabaram de amassar a picape de dois fortões, um acidente na estrada os faz encontrar com Paul, um alienígena que está há 60 anos preso na Terra e que cansou de ser cobaia dos militares. Ele foge da base militar onde estava preso e precisa chegar ao local de encontro com sua nave e seu povo.

Este é um besteirol. Esqueça dramas, esqueça ciência pura, é um filme para rir sem medo de ser feliz. São tantas situações inusitadas e absurdas que rir com esse alienígena desbocado, que fuma e fica invisível é bem fácil. Ele também faz referências a alguns clássicos do gênero. Vi gente criticando que não é para se esperar demais do filme, pois não se pode esperar ficção científica dele... Mas pera lá! Um alienígena está na Terra influenciando nossa cultura por 60 anos e não é ficção científica? Por aí vemos como as pessoas enxergam o gênero, como algo rígido, cientificamente plausível, sem espaço para fazer piadas.



Ficção e realidade

Mesmo que muitas pessoas defendam com unhas e dentes que os alienígenas já estão entre nós, ainda não existe nenhuma prova a respeito. Não quer dizer, entretanto, que não exista vida e vida inteligente fora da Terra. A imagem do alien cabeçudo, com olhos grandes se espalhou, ganhou o gosto popular e se tornou um fenômeno da cultura ocidental em pouco tempo. Hoje são comuns os lugares tidos como típicos para aparições de OVNIs, de alienígenas, de abduções e um mercado imenso cresceu em volta desta mística.

Barrigudo e de chinelo...

O mais legal do filme são as referências nerds. Em algumas partes você consegue identificar passagens icônicas de outros filmes, sem contar a fixação dos dois personagens nerds com os quadrinhos e com as boas e velhas pulp fictions de FC, que tanto andam sumidas nos dias de hoje. Tem até um embate divertido entre criacionismo e evolução.

Pontos positivos
Típico besteirol
Comédia da ficção científica
Cultura nerd
Pontos negativos
Alienígena parece muito humano


Título (original): Paul
Título (Brasil): Paul - O Alien Fugitivo
Ano: 2011
Duração: 104 minutos


Avaliação do MS?

Um filme para rir e se divertir com toda a cultura nerd e alienígena dos últimos 60 anos que ganhou força com o episódio de Roswell, no Novo México (EUA). Demorei para descobrir sobre o filme, mas acho que nem todo mundo o conhece também. Fica aqui a dica para assistir no feriado. Quatro aliens para Paul, pelas risadas.


Até mais!

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris