TAG: Meus hábitos de escrita

segunda-feira, novembro 13, 2017

Fui marcada pela Dana, do Conversa Cult na tag de escrita da Pam Gonçalves, baseada na tag da Kristen Martin. A intenção é conhecer como outras escritoras e escritores trabalham, o que usam, como se envolvem com o processo da escrita, se têm lugar próprio. Vem conhecer um pouco do meu processo!

TAG: Meus hábitos de escrita



Onde eu escrevo?
Na minha mesa, em geral. Mas se é um texto para o blog, uma resenha, pode ser no sofá da sala ou até na minha cama mesmo. Quando é ficção eu prefiro minha mesa onde tem tudo o que eu preciso. Não gosto muito de usar o celular para escrever, eu digito muito rápido e se a gente faz isso no celular sai coisas absurdas do corretor.

Como você se isola do resto do mundo enquanto está escrevendo?
Gosto de colocar fones de ouvido e ficar ouvindo música. Isso já diz, normalmente, que eu estou ocupada e não é pra me interromper. Porém, durante o dia é muita agitação, às vezes prefiro escrever madrugada a dentro onde não tem telefone, campainha, gato pedindo comida e coisas do tipo. Se estiver chovendo, melhor ainda.

Como você revisa o que escreveu no dia anterior?
Eu tinha o péssimo hábito de voltar tudo e ler do início porque morria de medo de esquecer alguma coisa. Resultado? Não escrevia mais NA-DA. Então hoje eu não reviso. Apenas leio a última frase ou parágrafo para saber o que estava acontecendo e continuo dali. A menos que eu tenha mudado alguma coisa de última hora, eu volto no texto e faço as alterações. Caso o contrário, continuo de onde estava pra não perder tempo. Revisão vem depois.

Qual a sua primeira escolha de música quando não está se sentindo inspirada?
Gosto de música eletrônica. É minha primeira escolha. E se for só instrumental, melhor ainda. A trilha sonora de TRON O Legado funciona super bem. Coloco o fone de ouvido e me isolo do mundo. Barulhos externos me incomodam demais, então às vezes até o matraquear do teclado já é suficiente para me desconcentrar. A música alta e o fone de ouvido ajudam a focar.

O que você sempre faz quando está lutando contra o bloqueio de escrita?
Vou cozinhar, vou ver minhas séries favoritas, assisto a um filme que gosto muito, pego um livro de autora\autor\assunto que eu goste muito, procuro temas de posts para o blog. Estou sempre pesquisando alguma coisa.

Quais ferramentas você usa enquanto escreve?
Se é para o blog, eu tenho meu planner mensal sempre à mão, onde planejo onde que vai cada publicação. Para a ficção, eu tenho um caderno onde anoto os passos que estou seguindo, nomes, locais, naves, planetas, etc.. Para tarefas longas, em que eu precise de paradas de tempos em tempos, eu tenho o Tide, um app que funciona com a Técnica Pomodoro, mas traz sons relaxantes junto, ruído de fundo, que também me ajuda a concentrar se for necessário.

Qual a única coisa que você não pode viver sem durante a sessão de escrita?
Meu notebook, lápis, caneta, caderno, post-its e uma garrafa d'água.

Como você se abastece/se alimenta durante uma sessão de escrita?
Não como enquanto estou escrevendo. No máximo tomo água - sempre tem uma garrafinha ou duas sobre a mesa, ou então tomo café, leite com chocolate, chá. Mas comer realmente me atrapalha. Não gosto de escrever com as mãos sujas, então eu teria que levantar, lavar as mãos, voltar e começar tudo de novo se estiver comendo. Prefiro para o que estou fazendo, como alguma coisa e volto.

Como você sabe quando terminou de escrever?
Às vezes eu não sei! Mas o principal sentimento é quanto a jornada daquele personagem chega a um propósito. Não necessariamente a um fim, mas quando seu arco, seu ciclo se completou naquele momento. Aí eu sei que é hora de parar. Nem sempre funciona, claro, tem momentos em que eu espremo tudo o que o personagem pode fazer. Depois quando vou revisar, acabo percebendo que tem coisa demais e corto. Pode ser útil em um conto futuro.

Para continuar a tag eu marco a Rebeca, do Collant, a Juli, do Mundo de Morpheu e o Ben Hazrael, do Cabaré das Ideias!

Até mais!

Já que você chegou aqui...

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

3 comentários

  1. Ai, quando li que me marcou fiquei tão feliz por ter lembrado de mim. Uma honra ser marcada nessa tag por você, Capitã <3 Obrigada!
    Logo responderei, pode deixar ;)

    Gostei de saber mais sobre seus hábitos ao escrever, porque a gente fica curioso em ver o processo de escrita das pessoas que acompanhamos/admiramos. ^^

    Beijins!

    ResponderExcluir
  2. Oi, para escrever no notebook, você utiliza o Word ou algum outro programa? Comecei a escrever seriamente a pouco tempo, e tenho utilizado o Google drive, pois posso acessar quase em qualquer lugar com internet, principalmente no trabalho. Parabéns pelo site, o conteúdo é muito bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu uso o Word, apesar de fazer backup sempre na nuvem. Mas já usei o Scrivener, que é um dos melhores programas para escritores atualmente. Mas tem que desembolsar 40 dólares pra comprar uma licença e não é todo mundo que tem.

      O meu Word já está todo formatado para o meu estilo, com meus dicionários e manias de escrita já corrigidas, então funciona bem pra mim.

      Obrigada pelo comentário!

      Excluir

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Curta no Facebook

Viajantes