O efeito Jurassic Park

Jurassic Park √© um dos grandes fen√īmenos mundiais do cinema e um dos meus filmes prediletos. Michael Crichton mal tinha terminado o rascunho do livro e Steven Spielberg arrematou os direitos, sabendo do potencial que a hist√≥ria tinha para ir para as telonas. Mas o longa que mostra um parque tem√°tico com dinossauros criados por engenharia gen√©tica, tamb√©m serviu para inspirar muitas crian√ßas e adolescentes a procurar carreira cient√≠fica.

O efeito Jurassic Park



Leia também: 10 coisas que você não sabia sobre Jurassic Park

Os dinossauros foram animais extremamente bem sucedidos na hist√≥ria da Terra. Tendo seu surgimento marcado no in√≠cio do Tri√°ssico, 250 milh√Ķes de anos atr√°s, seus antepassados foram sobreviventes da maioria extin√ß√£o em massa que o planeta j√° enfrentou, onde 90% das esp√©cies desapareceram. Animais que sobreviveram deram origem aos dinossauros, que dominaram a paisagem terrestre at√© 66 milh√Ķes de anos, quando o asteroide pregou a tampa do caix√£o sobre a maioria das esp√©cies que ainda existiam na √©poca, abrindo caminho para um grupo de animais pequenos, entocados e que davam √† luz aos seus filhotes ao inv√©s de botar ovos. Os mam√≠feros assumiram a lideran√ßa dali em diante, ao lado da nova forma que os dinossauros avianos tomaram, as aves.

Se tem uma coisa que ofende um paleont√≥logo √© chamar algu√©m de dinossauro no sentido de ser algo velho e ultrapassado, datado ou n√£o evolu√≠do. Dinossauros evolu√≠ram, tornaram-se os p√°ssaros e v√™m alimentado a imagina√ß√£o de gera√ß√Ķes de pessoas, jovens ou n√£o, com seus tamanhos, h√°bitos alimentares, plumas e penas, at√© mesmo cuidado parental com suas crias.

Cada dia que passa, mais e mais espécies de dinossauros estão sendo descobertas. São cerca de 50 novas espécies de dinossauros descritas por ano, o que é muito mais do que 30 ou 20 anos atrás. A China e a Mongólia, vários outros países do sudeste asiático, estão na liderança desta espécies descritas, o que é uma grande mudança da paleontologia de antes, onde ela era concentrada especialmente no Ocidente. O que a tornou tão espalhada pelo mundo?

Para muitos paleont√≥logos √© um efeito do filme Jurassic Park (1993). O paleont√≥logo Stephen Brusatte, autor de "The Rise and Fall of the Dinosaurs" (A ascens√£o e queda dos dinossauros), √© um jovem paleont√≥logo de 34 anos e afirma que entre os colegas de sua gera√ß√£o, a maioria deles vai dizer que tiveram vontade de se tornarem cientistas depois de assistirem ao filme de Spielberg. O longa causou um impacto t√£o grande, que museus e universidades come√ßaram a contratar paleont√≥logos para suprir a demando do p√ļblico, que correu para buscar as exposi√ß√Ķes, livros e f√≥sseis. Era uma febre.

O avan√ßo na tecnologia tamb√©m foi extremamente importante para a febre aumentar. O poder dos computadores para a reconstru√ß√£o digital de esp√©cies, para cruzamento de dados e an√°lise anat√īmica aumentou nossa compreens√£o sobre os dinossauros, al√©m do uso de tomografias e resson√Ęncias magn√©ticas para criar r√©plicas em resina e estudar com detalhes pequenas estruturas ocultas em rocha.

O filme trouxe tamb√©m uma paleobot√Ęnica para investigar um dinossauro que estava passando mal. Paleobot√Ęnica lida com plantas f√≥sseis e √© de extrema import√Ęncia para poder inferir h√°bitos alimentares e cobertura vegetal dos habitats que os dinossauros possu√≠am, reconstruindo com maior precis√£o seus ambientes. Mesmo que possua um tom de aventura, o filme trouxe uma ci√™ncia fict√≠cia que funciona e que cativa, com o mais avan√ßado que a tecnologia possu√≠a na √©poca para dar vida aos animais. Foi uma maneira de mostrar que a ci√™ncia pode ser divertida, informativa, que n√£o √© uma coisa de uns poucos velhacos enfiados em laborat√≥rio. Existe o trabalho de campo, a pesquisa acad√™mica, as an√°lises gen√©ticas, revis√£o de literatura, existe toda uma vida dentro da ci√™ncia que cativou crian√ßas e adolescentes.

Ainda que a febre tenha diminuído nos filmes seguintes e que a franquia como um todo falhe em representar os dinossauros que possuíam plumas e penas como eles eram, é impossível não ver a influência de Jurassic Park. No Brasil, muita gente conhece alguma coisa sobre dinos por causa do filme, e se tornou fã destes animais que não foram totalmente extintos, mas estão voando por aí.

Grawrnrawnrnnn! ūü¶ē

Já que você chegou aqui...

COMPARTILHE

1 Coment√°rio

  1. ūüíó eu mesma adoro paleontologia e estou me graduando em biologia, espero conseguir seguir pro lado da paleontologia. Adorei o texto.

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR:

Coment√°rios an√īnimos, com Desconhecido ou Unknown no lugar do nome, em caixa alta, incompreens√≠veis ou com ofensas ser√£o exclu√≠dos.
O mesmo vale para coment√°rios:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavr√Ķes e palavras de baixo cal√£o;
- reaças.
A √°rea de coment√°rios n√£o √© a casa da m√£e Joana, ent√£o tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora n√£o se responsabiliza por opini√Ķes emitidas nos coment√°rios. Essas opini√Ķes n√£o refletem necessariamente as da autoria do blog.