Balanço literário - 1º semestre de 2013

segunda-feira, julho 08, 2013

Mês de julho, mês de férias! Este foi um semestre difícil, mas consegui manter as leituras em dia e o Kindle foi o principal responsável por eu ter conseguido ler tudo o que li. Gente que gosta de ler, faça um investimento em um aparelho desses, vocês vão perceber que o aumento no número de leituras será gritante. E a economia também.




Eu registro meu progresso de leitura pelo Skoob. Já falei dele aqui algumas vezes e acho que é uma boa maneira de marcar o que você quer ler, o que leu, até o que abandonou e assim tentar organizar suas estantes sem ter tanto trabalho. Quando você acaba uma leitura, é possível colocar a data da última página virada, o que você achou e uma classificação por estrelas do que você achou da obra, que acaba rankeando o livro para outros leitores. Em 2012 eu li 30 livros. Neste primeiro semestre de 2013 foram 35.

Clique para ampliar.

A única explicação para a diferença gritante entre um ano e outro é o Kindle. Eu leio muito rápido, mas ainda assim não teria conseguido ler tantos livros assim se eles fossem físicos. Em 2012 eu comprei todos os livros que li, gastei uma grana alta, coisa que com o Kindle não foi necessário. Muitos dos livros que li estão fora de catálogo ou então foram oferecidos em portais de leitura - como o Portal Detonando - e cheguei a compartilhar os links daqueles que estão fora de catálogo para quem quisesse ler também. Podem reparar que nem tudo que li foi resenhado por aqui, pois nem tudo é ficção científica e nem tudo foi tão bom de ler assim.

Eu leio o que me atrai e o que me agrada. Não apenas ficção científica, mas romances históricos (alguns da lista foram péssimos!), terror e policiais entraram na lista. Comecei o ano com a Trilogia Millenium, três livros ótimos, um enredo que prende o leitor do início ao fim, onde conhecemos uma das personagens mais cativantes da literatura, que é Lisbeth Salander. Li muitos clássicos também. Infelizmente, empaquei na leitura de O Jardim de Rama, não consigo vencê-lo, pois está absurdamente chato e redundante.

Da lista, os que eram livros físicos:

  • Rio 2054
  • V.I.S.H.N.U.
  • O Cão dos Baskerville
  • NEXUS


O restante é ebook. Por isso que eu reforço, um leitor de ebook (seja Kindle, seja Kobo, seja um tablet com um app para isso) pode parecer um investimento caro em princípio, mas gera uma grande economia na compra de livros, o que paga o equipamento em pouquíssimo tempo. Quem é viciado em livros sabe que este é um consumo caro, portanto um aparelho próprio para leitura o ajuda a selecionar aquilo que gostou, aquilo que você achou péssimo e pode orientá-lo na hora de comprar um livro. Quem nunca comprou um que achava ser excelente, leu e se decepcionou?

"Mas Sybylla, você comprou todos esses livros?", não, não comprei. Por alguma razão que realmente não consigo entender, a Amazon não aceita meu cartão, que é bandeira Mastercard e toda vez minhas compras são negadas. Eles me disseram que é problema com a bandeira mesmo, mas isso já tem durado seis meses, não foi resolvido e eu desisti de comprar lá. Optei por utilizar o Portal Detonando, baixo dali e o que me interessa, compro o livro físico. Quem quiser utilizar o portal, é só fazer um cadastro rápido, com nome e email, confirmar o cadastro através do email que chegar e utilizar os serviços de lá.

Deixe seu comentário. Quantos livros você leu até agora? Gostou? Não, por que? Leu algum livro indicado aqui no blog?

Até mais!

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris