MHell

terça-feira, janeiro 08, 2013

A ficção fantástica e especulativa brasileira perdeu neste dia 6 de janeiro passado a escritora, poeta e jornalista Maria Helena Bandeira, a única mulher a escrever para a extinta Isaac Asimov Magazine Brasil. Sobrinha-neta de ninguém menos que Manuel Bandeira, MHell, como era chamada pelos amigos, era grande incentivadora da ficção especulativa nacional.



Venho dizendo com frequência que a ficção científica nacional tem rendido poucos títulos anuais. Os autores são desencorajados pelas grandes editoras, que não apostam no gênero e muitos sentem que escrever acaba sendo uma perda de tempo. Os espaços para novos autores de âmbito nacional praticamente são inexistentes e os nomes do gênero quase desconhecidos, exceto pelos verdadeiros aficionados pelo gênero.

Maria Helena vinha sofrendo de um câncer no intestino e de acordo com informações no Facebook da autora, ela passou por cirurgia para a remoção do tumor e parte do intestino ainda no final de 2012. Veterana na literatura especulativa, MHell ganhou vários prêmios e menções honrosas na literatura lusófona. Seu conto já tido como clássico intitulado Eu Mesmo foi escolhido como conto brasileiro do mês na revista Isaac Asimov Magazine em abril de 1992.

Sempre que um escritor de ficção científica e especulativa morre, dizemos que eles vão para as estrelas. Os sentimentos aos familiares e aos fãs, que perdem uma das suas maiores defensoras e autoras.

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris