Celulares espertos, pessoas nem tanto

segunda-feira, abril 09, 2012

Esperei um pouco para falar do assunto, já que ele bombou uma semana atrás. Não há apenas um motivo para a postagem de hoje, mas vários, pequenos pedaços de momentos e acontecimentos, e uma tirinha bastante interessante e engraçada. Quem tem Twitter e/ou Facebook, tem um celular Android ou iOS provavelmente não ficou de fora da bem vinda chegada ao sistema do Google (Android) do Instagram. E eu me diverti muito com as babaquices de muita gente exclusivista que não queria "gente diferenciada" na rede social de fotos.

Siga a Sybylla no Twitter - @Sybylla_



O que é o Instagram?

De acordo com a descrição do Wikipedia:

(...)é um aplicativo de compartilhamento de fotos gratuito (...) e projetado para uso em dispositivos móveis Apple iOS e para o Google Android. O aplicativo (...) permite aos usuários compartilhar suas fotos, bem como a aplicação de uma variedade de efeitos e filtros disponíveis. Os usuários podem compartilhar as imagens através do app Instagram ou usando uma variedade de outros aplicativos de redes sociais como Facebook, Twitter, Foursquare, Tumblr e Posterous[1].

Até a semana passada o devido aplicativo não era disponível para o sistema Android, que perfaz uma massa considerável de aparelhos smartphones no país e fora dele. Mas na terça-feira, dia 3 de abril, ele estava disponível para download pela loja de aplicativos para quem quisesse, "de grátis".

instagramLogo que o download foi anunciado, as piadas sem graça e sem noção começaram, de que "orkutizariam" o Instagram. Até Tumblrs foram criados para mostrar o tipo de fotos que o pessoal agora de posse do aplicativo poderiam postar, como churrascos na laje, bebedeira no bar da esquina, entre outros. Nem vou postar os ditos aqui para não gerar visitas para eles. E eu me pergunto: qual é o problema? O aplicativo é gratuito, inclusive para quem tem iOS e ainda assim teve gente se queixando?

Eu tenho um smartphone e realmente baixei e instalei o aplicativo e curto usar. Acho que se a polêmica não tivesse sido tão grande eu não usaria, mas fui ver do que se trata e ele é legal sim. Não justifica, por sua vez, todo o estardalhaço que o pessoal fez por não querer ver gente usando-o no Android, que barateia e muito o custo dos aparelhos, bem ao contrário do iPhone.

Teste no Instagram
Minha primeira foto no Instagram! Sybylla à esquerda.

Eu defendo o uso da tecnologia se ele é coerente. Já falei disso aqui algumas vezes. Acabei tendo um smartphone por necessidade. Durante o período em que fiquei 16 dias no hospital, meu celular anterior, simples, basicão, pifou e eu fiquei incomunicável em um momento em que realmente não podia ficar. Pedi então que a pessoa que cuidava de mim na época fosse numa loja, comprasse um celular pra mim que tivesse acesso à internet, Twitter e etc.. Aproveitando as promoções de Natal, eis que ela me chegou com um smartphone que custou menos de 400 reais.

Só depois que eu saí do hospital foi que eu comecei a curtir e a entender as funções desse novo aparelho que faz tudo o que eu preciso e algo mais. E hoje ele supre e muito as minhas necessidades e não me deixa na mão. E é aí que eu pergunto de novo: ter um aparelho ultra hiper mega moderno e caro para usar um aplicativo gratuito, como é o caso de quem tem um iPhone e ainda execrar aqueles que têm um celular que faz a mesma coisa, só por que é mais barato?


Os aparelhos da Apple são lindíssimos. O único aparelho que eu tenho é um iPod Suffle que ganhei de presente da mamãe e é ótimo. E reconheço o design, a praticidade, a funcionalidade e a genialidade do falecido Jobbs, no entanto, todas essas características parecem ter criado um clube exclusivo e cada vez que algo sai desse clube e entra nos outros círculos, o povo chia, xinga, se remete ao nível intelectual de uma criança de 5 anos, dando chilique.

Internet é livre, ela se fez livre e deve ser mantida livre para que todos possam ter acesso ao que exista nela.  E se pessoa tem um celular e a tecnologia está ali disponível, qual é o problema de usar? Se buscarão esse acesso é outra coisa, outro papo, mas ela não pode ficar fechada e restrita a um grupinho que quer ser melhor que os outros. Fizeram o mesmo escândalo quando o Twitter foi traduzido para o Português. Fizeram agora com o Instagram. Qual vai ser a próxima birrinha?

E assim deixo vocês com esta tirinha. Deixe sua opinião nos comentários. Até mais!


Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris