Energia nuclear nas missões espaciais

sexta-feira, dezembro 02, 2011

Adoro infográficos. Este foi indicação do caro Marco Hundsdorfer. Muita gente imagina que as sondas e equipamentos espaciais utilizam a energia solar para funcionarem, no entanto em alguns lugares do sistema solar, esta energia é tão fraca que os equipamentos simplesmente parariam, jogando fora bilhões de dólares em investimento. Por mais de 50 anos a NASA tem abastecido suas sondas com baterias nucleares, mas o suprimento de plutônio-238 para esta função está ficando escasso, o que pode atrasar missões importantes para o espaço.

No infográfico abaixo você vê as missões que utilizam essa forma de energia. Tanto que recentemente, a NASA mudou os motores da "arcaica" e pioneira Voyager 2 para economizar energia, sonda esta que utiliza uma mini-usina atômica para funcionar. Esta mudança prevê que ela continue operando por mais dez anos, sendo um dos objetos humanos mais distante da Terra na atualidade: cerca de 14 bilhões de quilômetros.

Siga a Sybylla no Twitter - @Sybylla_



Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris