Biosfera 2 e suas lições

quarta-feira, setembro 28, 2011

Biosfera é um conceito bastante abrangente, pois ela engloba todos os ecossistemas da Terra, que estão em constante contato entre si, em uma relação interdependente. O que afeta um, afeta o outro em uma reação em cadeia. Qualquer desequilíbrio nesta relação e os efeitos podem ser sentidos pela sociedade das mais variadas maneiras, em especial com os desastres ecológicos. A Biosfera 2 foi um projeto ambicioso de tentar recriar as condições do planeta em um ambiente fechado, sem relação com o exterior, prevendo futuras colônias fora da Terra ou um desastre. Mas as coisas não ocorreram como o previsto.

Biosfera 1



O projeto
A Biosfera 2 foi projetada como um ambiente fechado de 12.700 metros quadrados no estado norte-americano do Arizona, sem contato algum com o exterior, onde grandes ecossistemas do planeta foram recriados: floresta tropical úmida, um "oceano" com 4 milhões de litros de água, um pantanal, um deserto e uma savana. A estrutura era parcialmente transparente para deixar os raios solares entrarem, mas ela contava com emissores de ondas, geradores, controle de umidade e emissão de gases e controladores de circulação de ar. Uma equipe de cientistas viveria lá dentro, em total isolamento, cuidando das hortas e do ambiente e reportando os dados coletados no projeto.

Parte da estrutura da Biosfera 2.

Apesar de parecer muito bonito, uma série de problemas começou a despontar. O oxigênio por exemplo que era isolado do exterior, tinha que ser constantemente reciclado através da fotossíntese, mas ao invés disso, ele caiu, comprometendo a vida dos tripulantes. Os ecossistemas recriados começaram a morrer e das 25 espécies originais de animais utilizadas no projeto, apenas 6 sobreviveram no final, sem contar a proliferação de pragas, baratas em especial e na contaminação de um ambiente pelo outro. A equipe perdeu peso por causa da dieta de restrição calórica e houve muitas brigas e discussões sem fim entre os membros.

O que isso mostra? Que o fracasso era iminente? Que não temos condições de recriar o ambiente da Terra em outro lugar? Se a Biosfera 2 serviu para alguma coisa foi para mostrar o que não pode ser feito. Se vamos mesmo nos lançar ao espaço e estabelecer colônias, é preciso primeiro compreender os erros anteriores.

Biosfera 2 ao luar

Talvez tenha sido um fracasso bem sucedido, apontando as falhas, como por exemplo o uso do concreto, que sequestrava o dióxido de carbono e enfraquecia, uso de material estrutural que não era totalmente hermético, uma melhor psicologia para lidar com os conflitos entre a tripulação. Se pretendemos nos estabelecer lá fora, todas essas considerações precisam ser levantadas ou nunca teremos sucesso.

Ou seja, a questão não é a vontade de ir e sim se teremos condições de ficar. Por isso sou pessimista com relação à conquista do espaço. Não fizemos conquista alguma do espaço, conquistamos a habilidade técnica de sair do planeta Terra, mas ir além disso tem se mostrado muito difícil.

Até mais!



Fontes:
Biosphere 2
B2 Official Website
Wikipedia

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris