Estranho corpo humano

quarta-feira, junho 01, 2011

Na escola e nas aulas de biologia, a gente tenta aprender um pouco sobre o corpo humano (um pouco, pois aprender tudo, impossível!). Na verdade, a aula faz lembrar um açougue, pois sempre o vemos aos pedaços. Cabeça, tronco e membros, estrutura óssea, pele, cérebro e por aí vai. Porém, o corpo humano é uma máquina metabólica tão intrigante, longe de ser perfeita e ainda assim fascinante, que achei que valia um olhar um pouco mais particular de certas características da fisiologia humana que poucas pessoas se dão conta. Reuni apenas alguns fatos muito estranhos e curiosos além daqueles que muitos já conhecem. Estes relatados aqui parecem de fato ficção científica, mas acredite, são reais.

Siga a Sybylla no Twitter - @Sybylla_

Mitocôndrias
As benditas são as máquinas celulares responsáveis pela respiração celular e a produção de ATP (adenosina tri-fosfato ou tri-fosfato de adenosina, depende da tradução). Muitos biólogos a consideram quase como um alienígena e de fato, ela é. Acredita-se que no início do desenvolvimento da vida, lá pelo primeiro bilhão de anos do planeta (que tem 4,5 bilhões), ela fosse uma bactéria aeróbica (que utilizam oxigênio para obter energia) que entrou numa simbiose com uma célula anaeróbica (que não utiliza). A coisa deu tão certo, que as células se utilizam do minireator que é uma mitocôndria até os dias de hoje na obtenção de energia. Elas inclusive guardam seu próprio DNA, sempre vindo da mãe. Ou seja, temos o núcleo das células com o nosso código genético normal, mas dentro das mitocôndrias fica um arquivo muito mais antigo, trazendo sempre o DNA de nossas mães. Será que são elas as responsáveis pela Força também?

Microquimerismo
Sabia que é possível ter células no seu corpo que não são suas? E digo dentro mesmo, nos órgãos, nas articulações, em regiões que beijo nenhum colocaria. Isso se chama microquimerismo. É uma condição onde um indivíduo tem células ou partes de células originárias de outros indivíduos. É o caso das mães que deram a luz a meninos. Células do filho podem ficar em sua corrente sanguínea e órgãos internos por anos, instalada nos tecidos, nas articulações, nos ossos e podem desencadear ataques imunológicos ou auxiliar nos processos de recuperação em nível celular. O contrário também ocorre, filhos que ainda carregam células das mães nos recônditos do corpo humano. Alguns casos de câncer já chegaram a ser associados à essa condição. Faz pensar se no futuro vacinas não poderão ser passadas por gerações através desta façanha.

Apêndice
Uma pequena protuberância na curva de nosso intestino pode dar muita dor se inflamar e infeccionar e em muitos casos necessita de uma cirurgia para ser removido. É o apêndice, também conhecido pelos íntimos como apêndice vermiforme (semelhante a um verme). Pois esta estrutura nos animais herbívoros é extremamente desenvolvida, enquanto é praticamente ausente nos animais carnívoros e onívoros. Por que isso? Se está no nosso corpo, não deveria ter uma função? Depende. Se nossa dieta se tornou tão diversificada a ponto de conseguirmos nutrientes de várias fontes, não deve parecer vantajoso mantê-lo. Nos animais herbívoros ele contem colônias de bactérias para digerir a celulose, presente em folhas, troncos entre outros vegetais. E a celulose é extremamente energética, é apenas difícil de digerir. No nosso caso, nós temos o amido, que quando quebrado, também gera bastante energia. Cientistas discutem muito sobre a função real do apêndice nos dias de hoje. Já se descobriu que ele tem uma função importante para fortalecer nosso sistema imunológico. Mas como ele parece atrofiar a cada nova geração, é bem provável que a tecnologia das vacinas e dos antibióticos, com o passar do tempo, o façam desaparecer de vez.

Dente siso
Quem nunca sofreu com ele um dia vai sofrer. Este dentão que aparece no fundo de nossas arcadas dentárias é um resquício da evolução do ser humano, algo que sobrou da época em que nossas bocas precisavam quebrar sementes, mastigar carne crua e quebrar ossos. A dentição é um modelo evolutivo perfeito, pois mostra as adaptações que surgiram com o passar das eras e que adaptaram o corpo ao que é ingerido. Os animais que precisam rasgar o alimento possuem caninos bem proeminentes e afiados, como os cães e gatos. Os nosso são menores, porém pontiagudos, pois servem para segurar o alimento para que ele possa ser cortado e/ou rasgado. O ser humano sofre com o siso, pois nossa boca ficou menor. A culinária e o hábito de cozer os alimentos os tornaram mais macios, sendo assim, para que deixar na boca um dente imenso? O problema é que ainda não nos livramos dele completamente, pois ele ainda aparece causando dores terríveis, cáries e placa. Nada que mais alguns milhares de anos não resolva.

Pele e pelos
O que há de estranho com a pele e os pelos do ser humano? É o fato de sermos os únicos mamíferos terrestres cujos corpos não estão totalmente recobertos por pelos. Olhe os cachorros, os gatos, os ursos e os macacos, você vai reparar que a pele nua não aparece, como é no nosso caso, onde pele lisinha se transformou num ideal de beleza. Eles possuem pelos cobrindo tudo, inclusive a cara. Então por que a gente não é do mesmo jeito, afinal somos mamíferos iguais a eles? A verdade é que ninguém tem bem certeza. Uma corrente controversa disse que nossos parentes primatas no passado da raça teriam vivido muito próximo à água ou dentro dela por muito tempo e isso teria nos dado o revestimento de gordura e não de pelos que a pele tem. De fato, os únicos animais no planeta que possuem gordura revestindo o corpo, além do ser humano, são os mamíferos aquáticos, como baleias e golfinhos. Os pelos do ser humano seriam apenas residuais e tendem a desaparecer. Outro fato curioso é que dentre todos os mamíferos, nossa temperatura costuma ser a mais alta, já que gordura corpórea é um mau condutor de calor, a urina tem menos odor, sabemos controlar a respiração debaixo d'água e os nossos bebês são os que nascem com mais água no corpo entre todos os filhotes. Mistério.

E você, conhece mais algum fato curioso e estranho? Divida conosco!

Sybylla

Fã do futuro e da ficção científica. Geógrafa, professora, blogueira, escritora de FC. Capitã da Frota Estelar. Esperando para voltar para o meu planeta. Leia mais.





Leia esses também...

0 comentários

ANTES DE COMENTAR:

Comentários anônimos, incompreensíveis ou com ofensas serão excluídos.
O mesmo vale para comentários:
- ofensivos e com ameaças;
- preconceituosos;
- misóginos;
- homo/lesbo/bi/transfóbicos;
- com palavrões e palavras de baixo calão;
- reaças.
A área de comentários não é a casa da mãe Joana, então tenha respeito, especialmente se for discordar do coleguinha. A autora não se responsabiliza por opiniões emitidas nos comentários. Essas opiniões não refletem necessariamente as da autoria do blog.

Viajantes

Curta no Facebook

❤️


"A ficção científica é um substituto para todos os lugares que eu nunca vou alcançar nessa vida."

James W. Harris